Gestão de Activos Físicos

Na era da globalização em que à indústria se pede a “personalização em massa” é importante a realização de uma gestão efectiva dos activos físicos (equipamento e instalações) com redução de custos e aumento da produtividade.

Uma gestão dos activos físicos só será eficaz se os objectivos organizacionais forem definidos dentro do contexto operacional.
A g3p consulting disponibiliza vários serviços de consultoria específicos que, interligados entre si, possibilitam uma gestão eficaz dos activos físicos e a obtenção de um nível de excelência operacional com retorno do investimento.

ISO 55000

SAIBA MAIS

GESTÃO DA MANUTENÇÃO

SAIBA MAIS

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO DE GESTÃO DA MANUTENÇÃO (SIGM / CMMS)

SAIBA MAIS

ISO 55000

As normas internacionais ISO 55000, são muito mais do que um conjunto de requisitos a cumprir para se obter uma certificação. Incluem a implementação de um sistema de gestão de activos eficaz que minimize custos e risco sendo a certificação da organização um garante de uma gestão robusta e sustentável dos activos físicos para os seus vários “stakeholders”, e uma vantagem económica real para os accionistas e investidores da organização certificada.
Já não é possível pensar que é suficiente a realização de planos de manutenção (preventivos ou correctivos) para reparar ou manter o equipamento.
A gestão eficiente dos activos, baseada numa correcta utilização, suportada por processos e procedimentos, permite que a organização funcione de forma eficiente para assegurar a sua sustentabilidade.
A gestão de activos físicos aporta benefícios como:

g5

A família de normas ISO 55000 é aplicável a qualquer tipo de organização independentemente da sua dimensão e dos activos a gerir.
A mais valia da g3p consulting é a abordagem integrada e transversal com utilização de várias ferramentas, como auditoria AMIS e FM Scan, entre outras, que permitem a identificação rápida do nível de desempenho dos equipamentos, quantificando potenciais benefícios, áreas de actuação e a elaboração de um plano de acções que, através das melhores práticas internacionais, asseguram a implementação dos requisitos da norma e a obtenção da certificação ISO 55000. As organizações passam a dispor de uma ferramenta essencial para alcançar o equilíbrio entre custo, risco e desempenho.

Gestão da Manutenção

Qualquer organização, seja industrial ou de serviços, tem que actuar com eficácia de forma a atingir a sua sustentabilidade, o que leva a que todas as acções, sejam técnicas, administrativas ou de gestão devam ser combinadas de forma a que os equipamentos e instalações possam funcionar em boas condições, evitando avarias ou baixas de rendimento, garantindo a sua operacionalidade, a um custo global optimizado.
É neste contexto abrangente que a manutenção e as políticas de manutenção passaram a fazer parte das estratégias utilizadas pelas organizações para uma gestão eficaz de activos físicos.
Definir políticas de manutenção de equipamentos ou instalações deve ter por base o know-how sobre o funcionamento dos mesmos, ou seja, a sua fiabilidade.
A g3p consulting ao longo dos seus anos de experiência em projectos internacionais, desenvolveu um conjunto de ferramentas e indicadores para avaliar, monitorizar e melhorar a eficácia dos equipamentos, através da inovação de processos, com programas ajustáveis à realidade individual de cada cliente/projecto, com base nas melhores práticas de manutenção, que se traduzem numa melhoria da eficiência:

image001

Sistemas de Informação de Gestão da Manutenção (SIGM / CMMS)

O forte cenário competitivo com que a indústria e os serviços se deparam, faz com que a existência de uma cultura de manutenção correctiva não planeada já não seja possível.
A manutenção passou a ser um factor gerador de resultados e a paragem/funcionamento de um equipamento/instalações não programado passou a ser inadmissível, pelo que a informação atempada passou a ser primordial, daí a inevitável necessidade de informatização da mesma.
A utilização de um sistema de informação de gestão da manutenção (SIGM/CMMS) tem um papel importante na organização pois permite a automatização das programações e a dinamização das rotinas, tanto dos operadores como dos gestores de manutenção.
Para que estes sistemas funcionem em pleno é necessário que sejam o mais possível ajustados aos processos da organização e não o seu contrário.
Pela nossa experiência na área da Gestão da Manutenção, entendemos que um SIGM/CMMS é apenas uma ferramenta de suporte para os diversos níveis de intervenientes na gestão, execução, controlo e melhoria dos processos de manutenção pelo que a escolha do software adequado adquire primordial importância, pois é necessário avaliar a possibilidade de customização/ desenvolvimento específico, custos e serviço pós-venda.
A mais-valia da g3p consulting é a metodologia como aborda o processo de selecção e desenvolvimento de um SIGM/CMMS, dando prioridade ao conhecimento do negócio do cliente:

image002

A realização de um workflow como requisito para a concepção e desenvolvimento de um Sistema de Informação de Gestão da Manutenção, com o conhecimento do negócio do cliente, é uma mais valia da g3p consulting, para a automatização do fluxo constante de actividades e toda a documentação associada, integrando um Business Process Management (BPM), para a coordenação da execução ordenada do processo, seja de responsabilidade de pessoas ou de sistemas.
A nossa abordagem permite optimizar o tempo de implementação bem como minimizar os custos na aquisição do software e acima de tudo, garantir que o Sistema de Informação proporcionará o suporte necessário para que a organização gira, controle e melhore os seus processos de gestão manutenção, optimizando recursos e minimizando o risco para o negócio.
Ver também Formação